Páginas

segunda-feira, 7 de março de 2016

Com Missa Campal Dom Eraldo encerra sua visita pastoral em Santa Luzia

A missa de encerramento da visita pastoral de Dom Eraldo foi celebrada na noite deste domingo, dia 07 de março, em frente à Matriz onde se encontrava uma multidão de fieis que veio se despedir do seu Bispo Diocesano.

Pouco antes da missa, dom Eraldo convidou os fieis para rezarem com ele o Terço. A cada mistério, um fiel ajudava o bispo a rezar e meditar.

A missa que dom Eraldo presidiu foi concelebrada pelos padres Elias Ramalho, administrador paroquial, e pe. Maurício Mota, vigário paroquial. A proclamação do Evangelho, que trouxe a parábola do pai misericordioso, foi feita pelo padre Maurício.

Em sua reflexão, Dom Eraldo antecipou os agradecimentos ao padre Elias e aos leigos pelo acolhimento e pela organização da visita. O bispo destacou a experiência do povo de Deus, no antigo testamento, de sair da escravidão. "A escravidão é uma realidade de morte. O Deus da vida é o Deus que liberta a humanidade da escravidão do Egito. Poderíamos perguntar de que escravidão Deus nos liberta hoje ou de que escravidões precisamos nos libertar hoje. Tantas escravidões, tantas situações que oprimem nosso povo, nossos jovens, nosso povo pobre das periferias geográficas, mas também das periferias humanas...O que é maravilhoso é que Deus nos liberta."

Sobre a parábola do pai misericordioso, dom Eraldo chamou destacou a importância de sermos misericordiosos. "A misericórdia é a própria forma de Deus ser". Dirigindo-se aos leigos, o bispo destaca que não devemos nos achar melhor que as pessoas afastadas porque somos mais "fieis à Igreja".Segundo o bispo, nos devemos acolhê-las e nos alegrarmos por tê-las conosco.

Após a comunhão, os jovens fizeram uma homenagem de gratidão ao Bispo. Os jovens ofereceram um presente ao bispo e cantaram músicas falando sobre a saudade que vai ficar.

O padre Elias Ramalho fez seu agradecimento, destacando a acolhida tanto das pessoas em suas residência, como das instituições municipais e estaduais que foram abertas ao acolhimento do bispo e de toda a equipe. Padre Elias também agradeceu aos meios de comunicação da cidade que repercutiram a visita e ressaltou o trabalho da PASCOM em registrar todos os eventos.

Referindo-se ao bispo, pe. Elias agradeceu o zelo pastoral e a sua vontade de se encontrar com o máximo de pessoas. O pároco ressaltou que dom Eraldo chegou a visitar todos os bairros e superou os pontos de visitação que haviam sido planejado. 

"Eu rezo à Nossa Senhora DaGuia, anime cada vez mais o senhor para se doar sem medida ao reino de Deus em vista de tornar Jesus mais conhecido, mais amado e testemunhado. Esse é o objetivo, é Ele é o centro de nossa vida, é para Ele que voltamos os nossos olhares. Ele é a razão da nossa missão do nosso engajamento. Eu fiquei muito feliz da multidão de leigos que se reuniram para ouvir o seu bispo dizendo isso: se doem, façam tudo isso por Jesus,ele é a razão. E nós nos sentimos confirmados nesta caminhada e animados".

O bispo deu a bênção final e os católicos presentes foram abraçar dom Eraldo e se despedir do pastor diocesano que fará uma pausa, mas retomará na próxima semana as visitas pastorais re-começando por São Mamede. Entre os dias 1º e 3 de abril o bispo fará visita pastoral na cidade de Várzea.

Ouça os áudios da homilia e dos agradecimentos do padre Elias Ramalho:


Compartilhe : :

0 comentários:

Postar um comentário